UMA MITOPOÉTICA PANARÁ

Adriana Werneck Regina

2016

UMA MITOPOÉTICA PANARÁ

R$ 30,00Preço

Este exercício etnográfico, baseado numa relação de alteridade possibilitou acesso às narrativas míticas por meio das quais os Paraná expressam como sentem-pensam, experimentam corporeamente o trânsito pelo mundo dos vivos e dos mortos e as transfigurações pelas quais passam. São experiências relacionais de caráter social, afetivo e intersubjetivo, desenvolvidas entre os humanos, os animais, os astros, os espíritos, o fogo, o mel, etc, demonstrando uma fluida e orgânica relação de interdependência. Os animais e os espíritos figuram um papel de destaque nos processos de ensino-aprendizagem, uma vez que, a esses é atribuído o ensino de saberes e práticas determinantes para a organização sociocultural deste povo. A agricultura, a caça, a coleta, o domínio do fogo, o canto, a dança, ou matrimônio, a cura de doenças, o xamanismo, o universo mítico-cerimonial, enfim, são lições deixadas por estes animais e espíritos, agentes que têm capacidade reflexiva e intencionalidade. Adriana compreendeu que o encontro interétnico, baseado na autoridade abre a possibilidade de conflitos, mas favorece trocas fundamentais para a elaboração de uma nova interação sociocósmica.

Solange Pereira

© 2019 por EdUFMT  - Editora da Universidade Federal de Mato Grosso
Av. Fernando Corrêa da Costa, nº 2367 - Bairro Boa Esperança. Cuiabá - MT, CEP 78060-900