Ana Arlinda de Oliveira

2014

VIDA E LEITURA NARRATIVAS NA PENITENCIÁRIA FEMININA

R$ 15,00Preço

Essa obra revela aspectos da história pessoal de reclusas na Penitenciária Ana Maria Couto "May" - Cuiabá/MT e suas trajetórias de escolarização, em relação à leitura. Percorrendo as histórias dessas mulheres, foi possí­vel desvelar uma parte de suas memórias sobre a infância e juventude, e a perspectiva atual do seu cotidiano, em relação à ressocialização e inserção social.

Ter acesso à observação das leituras vivenciadas na prisão significou refletir sobre qual é a sua contribuição para a vida das mulheres encarceradas, e se estas podem produzir um pensar mais consciente sobre sua realidade como condição necessária para uma mudança transformadora das condições de vida.

A leitura se configura como instrumento para a formação dessas mulheres, pois, ao ampliar seu conhecimento sobre o mundo e para atuar no mundo, podem melhorar a si próprias, melhorando o relacionamento com outras pessoas, criando outras formas de pensar e comportar-se, seja no percurso da pena, seja com o ganho de sua liberdade.

Captar e refletir práticas de leitura no presí­dio feminino ensejou carrear para o âmbito das polí­ticas prisionais, informações que podem contribuir para a recuperação das reclusas, por intermédio de uma escolarização com qualidade e a promoção de leitura em bibliotecas e salas de leitura em um espaço não convencional como a prisão.

© 2019 por EdUFMT  - Editora da Universidade Federal de Mato Grosso
Av. Fernando Corrêa da Costa, nº 2367 - Bairro Boa Esperança. Cuiabá - MT, CEP 78060-900